Reaberto o Cadastro Nacional de Entidades Socioassistenciais

O Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome reabriu, desde o dia 1º de janeiro, o Cadastro Nacional de Entidades Socioassistenciais (Cneas) e já estão disponíveis no site do MDS o Manual, atualizado e consolidado e a Cartilha com perguntas e respostas.

O cadastro deve ser preenchido pela equipe técnica do gestor municipal, responsável pelo levantamento das informações sobre os serviços, programas, projetos e benefícios desenvolvidos por todas as entidades ou organizações inscritas nos conselhos municipais de assistência social.

“O cadastro facilita a aproximação do gestor com as entidades socioassistenciais, o que permite monitorar e sugerir melhorias para qualificação dos serviços ofertados aos usuários pela rede privada do Suas”, analisa a diretora de Gestão e Cadastro de Entidades, da Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social (Sedese), Dalma Veiga.

“Além de ser uma base de dados, o Cneas é um instrumento de planejamento para gestores públicos, pois é uma fonte de conhecimento da capacidade municipal, no âmbito da rede privada, permite identificar fragilidades e promover um redesenho”, explicou a secretária nacional de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Ieda Castro, em teleconferência do MDS exibida em 22 de abril do ano passado.

O Sistema Nacional de Cadastro de Entidades de Assistência Social – SCNEAS foi criado em 2014 pelo governo federal.

FONTE: Portal MDS

Comentários no Facebook